Como castigar um filho rebelde

0

 

Educar um filho é um desafio nos dias atuais. Com a constante exposição que as crianças estão sujeitas, o conflito entre o que ela aprende em casa e vê fora de casa é muito grande. O resultado, muitas vezes, é um filho rebelde, sem limites e mimado.

Muitos pais não sabem ou têm dúvidas quanto a melhor forma de educar. O diálogo, é sem dúvida, a melhor forma de lidar com filhos rebeldes, mas o castigo também é uma forma eficiente de educar. Mas, é preciso saber qual é o castigo mais eficiente e como castigar um filho.

Castigo na educação infantil

Para os pais perdidos, saiba que o castigo deve sim ser usado como forma de educar. Porém, castigar por castigar não é correto, o objetivo deve ser ensinar limites e ajudar no desenvolvimento dos filhos.

castigo-na-educacao-infantil
Castigo na educação infantil. Imagem:diuvlgação

Para que o castigo funcione, ele deve ser rápido, imediato, verbalizados e aplicados sem raiva.

Castigos criativos para filhos

Quando os pais já se cansaram de dialogar e o mesmo não é mais eficiente, alguns pais recorrem aos castigos como alternativa para disciplinar seus filhos. Existem diversos tipos de castigos e alguns até dividem opiniões.

castigos-criativos-para-filhos
Castigos criativos para filhos. Imagem:divulgação

Confira a seguir, alguns castigos muito criativos utilizados por alguns pais na hora de dar uma lição nos filhos.

Matar o notebook

O pai gravou um vídeo no facebook respondendo as reclamações da filhas sobre as tarefas diárias, a parte mais criativa foi o assassinato do notebook ao final do vídeo.

Leiloar ingressos da banda favorita dos filhos

Na Austrália, uma mãe colocou quatro bilhetes para o show da banda teen One Direction à venda na internet. Por meio de um áudio a mãe deixou claro que a venda dos ingressos era um castigo pelo mal comportamento da filha.

Acesse e saiba mais informações: Como educar filhos rebeldes

Planilha da mesada

Uma maneira supercriativa de castigar os filhos é listar em uma planilha o comportamento dos filhos e para cada mal comportamento, um valor é descontado da mesada, esse valor pode variar de acordo com a gravidade do comportamento.

Abraçar e amar sinceramente o irmão

Depois de quase se matarem em uma briga, a mãe gravou um vídeo  de reconciliação do amor entre os irmãos e postou na internet.

como-castigar-um-filho-rebelde
Como castigar um filho rebelde. Imagem:divulgação

Apesar da criatividade, em nada adianta os castigos aplicados pelos pais, se não halguns preceitos durante a educação dos filhos. Saiba como:

Explique os motivos do castigo

Os filhos precisam entender o motivo do castigo e não acharem que estão sendo punidos apenas por autoritarismo ou irritação dos adultos. Eles têm que entender que o castigo é consequência de algo que eles mesmos praticaram e que os pais não se sentem felizes em castigar.

Acesse e saiba mais informações: Como lidar com crises de birra?

Atenção nas suas palavras

Osa pais devem falar sempre com objetivo e rigidez, olhando para a criança e fazendo com que entenda que eles estão chateados com a atitude da criança e não propriamente com ela. Uma dica: nunca diga “Como você é feio”, e sim, “Que coisa feia você fez”.

como-castigar-um-filho-rebelde
Como castigar um filho rebelde. Imagem:diuvlgação

O castigo deve ser imediato

A criança pequena deve ser repreendida logo em seguida ao mau comportamento. No entanto, o castigo não deve ser aplicado na presença de outras pessoas, pois a existência de público o tornaria mais humilhante.

Castigos justos

Não exceda os limites do que é razoável. Pense se realmente é necessário um castigo naquele momento para que este não se torne algo banal e perca a credibilidade. O castigo deve ser ainda proporcional ao ato cometido e não ao estado de humor do adulto naquele momento.

como-castigar-um-filho-rebelde
Como castigar um filho rebelde. Imagem:divulgação

Castigos longos não funcionam

É preferível deixar a criança sentada por 5 ou 10 minutos do que por uma hora, pois após 10 a 20 minutos a criança, se distrai com seus pés, suas pernas, seus cabelos e esquecem que está de castigo.

Um dica é calcular o tempo do castigo da seguinte forma: um minuto de castigo por ano de vida da criança ou adolescente. Não se esqueça que as noções de tempo do adulto são diferentes das percepções da criança. Para uma criança, 60 minutos podem ter a sensação de duração de 5 ou 6 horas.

Recomendados para você:



SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA